- Publicidade -
- Publicidade -
Home News Famosos ‘Não estou vivendo, estou existindo’, diz Pamella Holanda ao Fantástico -

‘Não estou vivendo, estou existindo’, diz Pamella Holanda ao Fantástico –

- Advertisement -


Neste domingo, dia 18 de julho, Pamella Holanda deu uma entrevista ao “Fantástico” para falar sobre as agressões que sofreu do ex-marido DJ Ivis expostas em vídeos que divulgou mostrando a violência realizada pelo músico.

“Fico pensando como vai ser minha vida quando eu voltar a viver, porque esses dias eu não estou vivendo, eu estou existindo”, começou ela e em seguida explicou quando começaram as agressões por parte de seu ex-companheiro.

“Quando eu comecei a morar com ele, ele já começou me agredir. Começou verbalmente: palavrão, grosserias…” e lembrou que nem quando estava grávida foi poupada.

“Estava grávida de 5 para 6 meses. Me segurou pelo pescoço e foi me arrastando pelo corredor até o sofá. E teve outros. Tinha medo, tinha vergonha… estava realizando um sonho, eu sempre quis ser mãe”, contou.

Veja+: DJ Ivis chora e pede perdão

Vídeos

Em seguida, a arquiteta contou detalhes dos vídeos que divulgou em suas redes sociais para mostrar as agressões de DJ Ivis.

“Primeiro ele me agrediu com a blusa. Depois ele começou a falar várias coisas e eu insisti muito para poder tentar minha filha no carrinho para poder amamentar ela e é a hora que ele vem e puxa meu cabelo. Puxa, me bate, esbarra no carrinho”, explicou. Em seguida conta sobre as cenas em que está na sala, acompanhada da mãe dela e com sua filha no carrinho de bebê. Neste período ela estava com Covid-19.

“Os médicos recomendavam o peito pra nenê. Ele não queria de jeito nenhum, porque dizia que a nenê ia acabar pegando Covid”, revelou e disse que a mãe também pedia para ele parar: “Ela pedia pra ele não fazer, não bater. ‘Não bate na minha filha’. Ela só falava isso.”

Pamella explicou o motivo da briga no vídeo em que é observada por Charles, funcionário do cantor, enquanto apanhava.

“A gente começou a discutir porque ele mostrou uma foto íntima minha com o Charles. É a hora que ele me agride. Depois eu vou pra cima dele, mas ele se esquiva. Quando dou as costas ele vem, me dá um soco, um chute e me deu um soco nas costas que caí no chão e fiquei sem conseguir respirar.”

Em uma outra agressão sofrida, que não foi gravada em vídeo, ela acabou com uma contusão no olho. Pamella diz que foi questioná-lo sobre uma possível traição que estava cometendo.

“Foi na hora que ele começou a me socar as costas, me chutou nas minhas pernas. Não lembro se foi nessa hora que eu tentei me defender que pegou um soco dele no meu olho, ou se foi uma cotovelada”, disse.

Veja+: DJ Ivis é preso em Fortaleza

Faca

Pamella revelou que, em uma das brigas do casal, DJ Ivis chegou a pegar uma faca para atentar contra a vida dela, mas que foi impedido.

“Desci umas 10 horas, quase 11 pra poder fazer o leite dela e já começou a discutir. A funcionária dele também estava na hora. Foi a hora que ele pegou uma faca na gaveta da cozinha. A funcionária dele segurou o braço dele.”

Vida de Mentira

Ela contou que decidiu postar os vídeos, pois só assim teria certeza de que seria ouvida e acreditariam em sua história

“Se fosse só a palavra dele contra a minha, ninguém ia acreditar em mim. Ele é famoso, é conhecido…

Ninguém imaginava que era assim. Todo mundo se baseia a vida do outro nas redes sociais. Ele acabava de brigar comigo e saia por aí. Saía de casa fazendo stories.”

Peça Chave

A reportagem mostrou a palavra do delegado Tharsio Facó, que está cuidando do caso. Ele revelou que o depoimento de uma babá do casal está sendo fundamental no caso. Ela foi demitida um dia após ter começado a trabalhar, apenas pelo fato de ter presenciado uma das agressões de Ivis à Pamella.

“Ela não tinha nenhum vínculo com as partes envolvidas, nem com a Pamella e nem com o Iverson. Diferentemente do Charles e da governanta que tem um vínculo maior com ele”, revelou.

No depoimento, a babá disse que escutou barulhos vindos do quarto do casal que se assemelhavam com pancadas na parede. Que a mãe do DJ Ivis estava na casa e teria dito a ela que eles estavam arengando (brigando). Pamella teria saído do quarto chorando muito e com olho roxo.

Pamella encerrou a entrevista com uma palavra de incentivo para que mulheres que estejam sendo agredidas que denunciem seus parceiros.

“Eu não aguentava mais minha filha escutar o meu choro… eu não quero que gravem a imagem de mim chorando. Eu aconselho, encorajo, peço que não tenham medo, que a gente não pode se aprisionar.”

Veja+: Pamella manda mensagem de encorajamento à mulheres



Source link

- Advertisement -
- Advertisement -

Stay Connected

16,985FansLike
2,458FollowersFollow
61,453SubscribersSubscribe

Must Read

- Advertisement -

Related News

- Advertisement -

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here