- Publicidade -
- Publicidade -
Home News Famosos Investigação descarta suicídio e família desconfia de feminicídio

Investigação descarta suicídio e família desconfia de feminicídio

- Advertisement -


Na noite do último dia 7 de julho, quarta-feira, a modelo brasileira Nayara Vit caiu do 12º andar do prédio onde morava com seu namorado, o empresário Rodrigo Del Valle Mijac, no Chile. A família da jovem, no entanto, quer respostas. As investigações sobre o caso, que inicialmente trabalhavam com a hipótese de suicídio, correm em sigilo. Além do namorado, Nayara deixou a filha de quatro anos, fruto do relacionamento com o seu ex-marido, de quem estava separada há oito meses. Os familiares desconfiam de feminicídio. 

Dois dias depois da morte de Nayara, a família da modelo contratou o advogado Cristian Cáceres, no Chile, para acompanhar as investigações. Ele começou, então, a sua própria investigação do que teria acontecido.

“Primeiro, a gente tomou conhecimento que a Nayara não tinha nenhuma psicopatologia. Ela não apresentava ideias suicidas. Também tomamos conhecimento que naquela mesma noite ela, muito feliz e animada, jantou com os amigos em um restaurante em Santiago, provavelmente às oito da noite”, disse Cristian Cáceres, advogado.

Segundo ele, testemunhas disseram que o apartamento de onde Nayara caiu teria passado por uma limpeza minutos após a sua morte.

“Isso chama a atenção porque depois de um acontecimento trágico como esse, o que se tem de fazer é esperar a polícia examinar o local. Nós descartamos a possibilidade de que isso tenha sido um suicídio”

Cristian levou todo esse material às autoridades. Na segunda-feira (12), o Departamento de Homicídios assumiu o caso. O promotor responsável disse que as investigações estão avançando de maneira satisfatória.

Suspeita de feminicídio e fatos distorcidos 

A família de Nayara tenta entender o que aconteceu no apartamento onde a modelo morava com o namorado, Rodrigo, e a filha. Gabriel Vit, outro irmão da jovem, disse à NSC TV que a mãe deles falou com a filha pouco antes da morte.

“Minha mãe falou com ela duas horas antes. Estava feliz porque tinha comprado um tênis e porque a academia ia voltar a funcionar”

A família só ficou sabendo da morte pelo ex-marido de Nayara, com quem a modelo teve uma filha. O pai de Nayara teria tentado contato com Rodrigo, mas não teve retorno. No local da morte da modelo, além dela, estava o namorado, a filha, de quatro anos, e uma babá. Até agora, segundo ele, ninguém foi preso.

“Meu pai não conseguiu falar com Rodrigo por diversas vezes. Aí vieram aparecendo fatos que são totalmente diferentes do que ele falou”, continuou Gabriel.

Já Rodrigo, namorado de Nayara, disse à polícia que estava sentado no sofá no momento em que ela passou correndo e se jogou da varanda do apartamento. Gabriel, no entanto, aponta contradições:

“A babá disse que ouviu gritos da Nayara e que ouviu um vaso quebrando, e realmente tem um vaso de plantas no chão quebrado. O que nos estranha é que não houve uma perícia no apartamento neste momento. Isso foi acontecer três dias depois. O celular da Nayara sumiu, a bolsa da Nayara sumiu”, continuou ele, que ainda enviou uma carta ao governo brasileiro pedindo ajuda nas investigações, que passaram para o departamento de homicídios no Chile.

“São diversos fatos que vêm acontecendo, que não condizem com o que o atual namorado dela, o Rodrigo, fala. Então, assim, essa angústia para gente é maior”

O procurador responsável pelo caso disse que está coletando dados para esclarecer as circunstâncias da morte.

“Nós autorizamos o ex-marido dela a retirar o corpo da Nayara e fazer o funeral no Chile com seus amigos”, disse Gabriel sobre o velório e enterro. Inicialmente, a família queria trazer o corpo da modelo para o Brasil, mas desistiram da ideia.

Autorização negada para ir ao velório

Os familiares de Nayara desistiram de ir ao enterro por não ter conseguido autorização do governo chileno. A entrada no país ficou mais difícil por causa das restrições durante a pandemia de Covid-19. A família é de Santa Catarina e a mãe da modelo mora em Porto União, no Norte do estado.

Nayara tinha 33 anos e era considerada celebridade na capital chilena — ela somava mais de 24 mil seguidores em uma rede social antes de morrer.

A modelo morava no Chile há 16 anos. 

“Seria o velório dela na quinta [15 de julho], porém a polícia pediu pra fazer uma nova autópsia”, disse o irmão.





Source link

- Advertisement -
- Advertisement -

Stay Connected

16,985FansLike
2,458FollowersFollow
61,453SubscribersSubscribe

Must Read

- Advertisement -

Related News

- Advertisement -

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here