- Publicidade -
- Publicidade -
Home News Famosos Angelina Jolie quer vender parte da vinícula que tem com Brad Pitt

Angelina Jolie quer vender parte da vinícula que tem com Brad Pitt

- Advertisement -


Angelina Jolie quer seguir adiante com sua sua vida pessoal e também com seus negócios após vários anos lutando na corte em sua separação de Brad Pitt. E agora a atriz, por meio de seus advogados, pediu ao juiz que retire a ordem de restrição de transferência de bens, que foi colocada automaticamente quando o divórcio deles começou.

Segundo a revista People, a artista não quer ter mais nada com Pitt nem mesmo no âmbito empresarial. Ela quer conseguir dividir o restante de seus bens com o ator, incluindo a vinícola que eles têm juntos, da qual ela quer sair imediatamente.

Jolie está interessada na Nouvel, LLC, a vinícola francesa deles.

Veja+: Angelina Jolie e The Weeknd são vistos novamente em show privado na Califórnia

É algo padrão que a corte faz em casos como esse, de bloquear os bens até que tudo seja esclarecido, mas agora a atriz diz que quer essa barreira removida imediatamente, para que ela venda sua parte do negócio para uma terceira parte. Um acordo que provavelmente já está feito, mas precisa retirar a ordem de restrição para concluir.

Os advogados dela disseram que falaram com a equipe de Brad para tentar resolver isso sem uma audição formal, mas o advogado do atord disse que ele responderia depois. Angelina diz nos documentos que está preocupada em perder o acordo durante esse tempo, então pediu a um juiz para intervir.

Processo

Angelina Jolie recentemente criticou o juiz que está conduzindo o processo judicial de divórcio da atriz e Brad Pitt. Segundo Angelina, o juiz não permitiu que os filhos do casal testemunhassem durante as audiências.

Como a guarda das crianças é algo em questão no processo, a atriz ressalta sobre como é importante que os filhos possam falar com quem querem ficar. O juiz John Ouderkirk está conduzindo o tribunal para decidir acerca da custódia de cinco dos seis filhos do casal: Pax, de 17 anos; Zahara, de 16 anos, Shiloh, de 14 anos; e os gêmeos Vivienne e Knox, de 12. O mais velho, Maddox, tem 19, e não está incluso no processo por ser maior de idade.

Segundo a legislação da Califórnia, adolescentes maiores de 14 anos podem ser ouvidos pela Justiça durante julgamentos que tratem de suas respectivas guardas e custódias. Por conta disso, a atriz julga importante que os próprios filhos possam testemunhar no tribunal. A defesa da famosa considerou a exclusão dos relatos um erro e pediu que a atitude fosse revista.

Veja+: Cantora Andra Day nega boatos de envolvimento amoroso com Brad Pitt

Já os advogados de Brad Pitt consideraram a atitude do juiz “justa”, e que o pedido de defesa da atriz prejudicaria ainda mais a saúde e estabilidade emocional das crianças.

Lembrando que o casal se separou em 2016 com Jolie alegando que tomou a decisão para “manter a saúde da família”. A atriz não especificou qual violência o ator poderia ter cometido contra os filhos, e o processo segue em sigilo. Desde então, o casal disputa a guarda provisória das crianças.



Source link

- Advertisement -
- Advertisement -

Stay Connected

16,985FansLike
2,458FollowersFollow
61,453SubscribersSubscribe

Must Read

- Advertisement -

Related News

- Advertisement -

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here